Arquivo

erótico

artedebem-amarAutor(es) Luc NORIN, argumento; A. WAMRY, desenho

Editora Pergaminho

Ano de Publicação 1990

Número de Páginas 52 p.

Impressão Quatro Cores

Faixa Etária Recomendável A partir dos 12 anos

Comentário Álbum de BD franco-belga que desmitifica todas as dúvidas sobre o sexo de forma acessível e sem preconceitos. Os desenhos puxam para o “Spirou” e quejandos mas a informação útil que transmite com humor suplantam esse facto.

Autor(es) Max CABANES

Editora Meribérica/Liber

Ano de Publicação 1991

Número de Páginas 64 p.

Impressão Quatro Cores

Faixa Etária Recomendável A partir dos 16 anos

Comentário Obra que relata a nostalgia da infância, pelo autor, regada com as primeiras experiências amorosas/eróticas/sexuais.
Criador de mundos nos quais os acontecimentos estranhos e a malícia são regras comuns, Cabanes é um excelente criador de histórias onde os sonhos e as angústias revelam um universo ambíguo de inspiração autobiográfica.
“Cabra-Cega” recebeu o grande prémio do Festival de Angoulême em 1990.

Druuna-capaAutor(es) Paolo Eleuteri SERPIERI

Editora Arte do Autor

Número de Volumes 2 volumes

Impressão Quatro cores

Faixa Etária Recomendável Para adultos

Comentário Se o inferno existe, bem pode ser o mundo onde vive Druuna. Fora do tempo e do espaço, numa amalgama de betão e de aço, a natureza não existe. Os seus habitantes são miseráveis e vivem num medo constante de serem contaminados por uma terrível doença.
Os mutantes, que representam as forças do mal, acompanhados de uma autoridade obscura e totalitária racionam a distribuição do famoso Serum, cuja composição secreta, permite libertar as pessoas do mal. É neste ambiente que Druuna busca incessantemente algum serum para ministrar ao seu amigo Schastar, tornado monstruoso pelo mal.

Informação Bibliográfica Meribérica/Liber (2 volumes; ed. esgotada), Norma (1 volume; ed. esgotada)

Autor(es) Miguel ROCHA, argumento e desenho; George BATAILLE, autor da obra adaptada

Editora Bedeteca de Lisboa ; Polvo

Ano de Publicação 2000

Número de Páginas 40 p.

Impressão Preto e Branco

Faixa Etária Recomendável Para Adultos

Comentário Adaptação à bd de “Madame Edwarda” de George Bataille a partir da tradução de Francisco Oliveira. Um homem, “levado por uma liberdade estonteante”, vive uma experiência sexualmente mística com uma prostituta chamada “Eduarda”. Um texto poderoso de Bataille despertou a visão dramática de Miguel Rocha, que propõe uma leitura plástica das deambulações do narrador. Os corpos são chamados à cena, numa nudez total atrás da qual brincam às escondidas cada uma das questões do mundo. Miguel Rocha passou, no espaço de dois anos, de autor-promessa a um dos mais consistentes e produtivos autores portugueses de bd, entretanto premiado e exposto nos principais festivais nacionais.

Autor(es) Milo MANARA

Editora Asa

Número de Volumes 3 volumes

Impressão Quatro Cores

Faixa Etária Recomendável A partir dos 16 anos

Comentário Giuseppe Bergman (um nome que é brevemente mencionado em “O homem do Caribe”, de Pratt) é o alter-ego de serviço para Milo Manara, a personagem com a qual o autor reflecte sobre a sua sociedade, as suas opções artísticas e de vida. Com a qual procura dar forma a uma busca interior, marcada pelo rescaldo das décadas de 60-70 (do terrorismo italiano ao espiritismo oriental, sempre com a vontade de aventura em pano de fundo), numa semi-autobiografia oblíqua, mesclada com fantástico e magia. Ausente há algum tempo, Manara recuperou esta personagem para “Rever as estrelas”, um álbum iniciado após o desaparecimento dos seus dois principais mentores, precisamente Hugo Pratt (já personagem/mentor na bela história “H.P. et Giuseppe Bergman”) e Fellini. © João Ramalho Santos

Informação Bibliográfica Edições 70, 1 volume (ed. esgotada); Meribérica/Liber, 1 volume (ed. esgotada)

Autor(es) Isabel LOBINHO, argumento e desenho; Mário-Henrique LEIRIA, autor da obra adaptada

Editora Câmara Municipal de Moura

Ano de Publicação 2002

Número de Páginas 32 p.

Impressão Preto e Branco

Faixa Etária Recomendável A partir dos 16 anos

Comentário Reedição de uma obra editada em 1975 (pela Forja) pela Câmara Municipal de Moura no âmbito do Salão Moura BD, que tinha dedicada uma exposição retrospectiva desta autora que desde os tempos da revista Visão (1975/76) dedica a bd’s poéticas cheias de erotismo e surrealismo.

Autor(es) HORÁCIO

Editora Polvo

Ano de Publicação 1999

Número de Páginas 16 p.

Impressão Preto e Branco

Faixa Etária Recomendável Para adultos

Comentário Com um desenho realista e um uso notável de tramas Horácio traça um perturbante relato de desejo, prazer e (falsa) inocência que revelam, não só um imaginário forte, com um talento para o construir ainda mais poderoso. © João Ramalho Santos