A casa da azenha

Autor(es) Victor PÉON

Editora Asa

Ano de Publicação 1994

Número de Páginas 63 p.

Impressão Quatro Cores

Faixa Etária Recomendável A partir dos 12 anos

Comentário Bd Originalmente publicada no “Mosquito” em 1949, esta edição em álbum é colorida por Catherine Labey.
«Não era frequente a representação de violência nos quadradinhos portugueses antes de ser publicada “A casa da azenha”. (…) Com “A casa (…)” tudo muda: há sangue a esperirar, dentes partidos, esmagamento de corpos e tortura funcional. No entanto, não é uma violência gratuita (…) mas sim um processo metódico para mover comportamentos burocráticos emperrados, testemunhas recalcitrantes, confissões renitentes (…) e pode emparelhar com os romances policaisi negros de autores americanos, nos quais, nitidamente (…) se inspirou: Dashiel Hammett, Raymond Chandler, Paul Cain, Mickey Spillane, James Hadney Chase.
E tal como os detectives Philip Marlowe, Sam Spade, Mike Hammer, também o detective Ted Kirk leva nos ossos do ofício e acaba por chegar ao fim da aventura bastante amolgado.
(…) O desenhador Vitor Péon (1923-1991) sempre se declarou autor do argumento, e acreditamos que assim tivesse sido, embora seja de admitir que o matagal da sua escrita, aqui e além, fosse ajardinado por Raul Correia – que é retratado como inspector Rod Carlton.  © António Dias de Deus (texto introdutório do álbum)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: