Wolverine: Origem

Origem-1-PT-Capa_frenteAutor(es) Paul JENKINS, argumento; Andy KUBERT, desenho; Richard ISANOVE, cor

Editora G-Floy

Ano de Publicação 2015

Número de Páginas 168 p.

Impressão Quatro Cores

Faixa Etária Recomendável A partir dos 14 anos

Comentário Wolverine fez a sua primeira aparição, na revista The Incredible Hulk nº180 (em 1974) como mera personagem secundária. Só meses mais tarde é que Len Wein, o seu criador, decidiu integrá-lo nos X-Men, aquando do relançamento desta equipa de super-heróis mutantes. Nas histórias escritas por Chris Claremont, Logan (o seu verdadeiro nome) foi progressivamente ganhando protagonismo e o carinho dos fãs, tornando-se um dos mais populares membros dos X-Men. Canadiano de origem, ex-membro de uma agência governamental, tem como traços distintivos o carácter irascível e violento, um faro apuradíssimo, as garras retrácteis de adamiantum (um metal indestrutível que também recobre o seu esqueleto como fruto de experiências a que foi submetido) e um factor de cura que o leva a recuperar rapidamente de qualquer ferimento.

As origens do Wolverine sempre estiveram envoltas em mistério. Nem ele próprio parece conhecer o passado terrível que terá criado o mais feroz e brutal dos X-Men. Mas agora, tudo será revelado neste livro que nos levará até aos finais do século XIX e ao Canadá rural, e à história de três jovens que encerram o segredo da origem do Wolverine. A origem do mais popular dos mutantes, Wolverine, chegou a ser considerada “a maior história da Marvel nunca contada”, e a Casa das Ideias chegou a dizer que ela nunca seria contada. Mas no início dos anos 2000, um grupo de editores e escritores da Marvel decidiram que estava na altura de o fazer − com o recente sucesso de filmes de super-heróis da Marvel no cinema, e com o facto de que a editora não tinha nenhum controlo criativo sobre ele, por ter cedido os direitos aos estúdios, temiam que essa história acabasse por ser contada no grande ecrã. Bill Jemas, na altura Presidente da Marvel, e Joe Quesada, uma lenda dos comics, quer como escritor e desenhador, quer como editor, prepararam essa história e contrataram Paul Jenkins para escrever o seu argumento. Com desenho de Andy Kubert, que estava na altura a começar a tornar-se na super-estrela que é hoje e com as cores que o francês Richard Isanove aplicou directamente sobre os lápis de Kubert (sem qualquer arte-final), Origem tornou-se num dos grandes best-sellers de sempre da Marvel.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: